Cuidar Mais

Revista virtual da ACG Home Care. Aqui você terá dicas de como manter sua vida com mais qualidade, saúde e bem estar!


Deixe um comentário

Atenção com o açúcar

O Diabetes é uma síndrome metabólica de origem múltipla, decorrente da falta de insulina e/ou da incapacidade de a insulina exercer adequadamente seus efeitos no organismo. A insulina é produzida pelo pâncreas e é responsável pela manutenção do metabolismo da glicose. A falta desse hormônio provoca déficit na metabolização da glicose e, consequentemente, o diabetes, que se caracteriza por altas taxas de açúcar no sangue.

O diabetes do Tipo 1 é causado pela destruição das células produtoras de insulina, em decorrência de defeito do sistema imunológico em que os anticorpos atacam as células que produzem a esse hormônio. Ocorre em cerca de 5 a 10% dos pacientes com diabetes. No Tipo 2, resulta da resistência à insulina e de deficiência na secreção de insulina. Ocorre em cerca de 90% dos pacientes com diabetes.

Temos ainda o Diabetes Gestacional, que é a diminuição da tolerância à glicose, diagnosticada pela primeira vez na gestação, podendo – ou não – persistir após o parto. Sua causa exata ainda não é conhecida. Outros tipos são decorrentes de defeitos genéticos associados a outras doenças ou ao uso de medicamentos.

Os principais sintomas são:

  • Vontade de urinar diversas vezes
  • Fome freqüente
  • Sede constante
  • Perda de peso
  • Fraqueza
  • Fadiga
  • Nervosismo
  • Mudanças de humor
  • Náusea e vômito.
  • Infecções freqüentes
  • Alteração visual (visão embaçada)
  • Dificuldade na cicatrização de feridas
  • Formigamento nos pés e furúnculos

O prolongamento da hiperglicemia pode causar sérios danos à saúde, tais como lesões na retina, alterações renais, enfraquecimento muscular, pressão baixa, infarto entre outros. Por isso, fique atento e se perceber os sintomas, procure logo seu médico.

Por Mariah Rosa Pires

Jornalista e Diretora ACG Home Care

Anúncios


Deixe um comentário

Agora é a vez dos resultados da avaliação de nossos clientes!

A ACG Home Care acaba de finalizar a pesquisa de satisfação de nossos clientes.

Durante 60 dias as pesquisas foram efetuadas pela nossa diretoria de qualidade e recursos humanos que buscou, no contato direto com nossos clientes, a impressão que os usuários possuem de nossa instituição.

O resultado foi impressionante e deixou a todos muito felizes.

As questões avaliadas foram desde o 1º contato, passando pela avaliação das técnicas profissionais abordadas, apresentação pessoal da equipe, postura profissional, pontualidade e qualidade dos serviços.

Veja abaixo os números.

  • 70% Muito Bom
  • 26% Bom
  • 4% Razoável

Estes índices mostram que estamos no caminho certo, mas precisam ser melhorados. E é justamente esta a nossa meta para 2013.

Agradecemos a todos que escolheram nossa empresa para um atendimento tão peculiar, como a “Atenção Domiciliar a Saúde”, e por confiarem em nossos serviços.

Não podemos esquecer que a alma da ACG Home Care são nossos colaboradores, a estes nosso sincero…

MUITO OBRIGADO!

Cristiane Marrone

Diretora de Qualidade

ACG Home Care


Deixe um comentário

Síndrome do Pânico

A síndrome do pânico é uma condição mental que faz com que o indivíduo tenha ataques de pânico esporádicos, intensos e muitas vezes recorrentes. É nitidamente diferente de outros tipos de ansiedade, caracterizando-se por crises súbitas, com ou sem fatores desencadeantes e, frequentemente, incapacitantes.

O ataque de pânico começa de repente e, na maioria das vezes, atinge seu ápice dentro de 10 a 20 minutos. Alguns sintomas podem continuar por uma hora ou mais. Um ataque de pânico pode ser confundido com um ataque cardíaco e pode incluir ansiedade por estar em uma situação na qual seria difícil escapar (como estar no meio de uma multidão ou viajando em um carro ou ônibus).

As pessoas com síndrome do pânico têm pelo menos quatro dos seguintes sintomas durante um ataque:dor ou desconforto no peito, tontura ou desmaio, medo de morrer ou de perder o controle, sensação de engasgo, náusea ou mal-estar estomacal, dormência nas extremidades, alterações do ritmo cardíaco, suor, calafrios e tremores.

O transtorno do pânico é real e potencialmente incapacitante, mas pode ser controlado. O tratamento inclui medicamentos e psicoterapia. O uso de uma nova técnica denominada estimulação magnética transcraniana repetitiva também vem sendo indicado.

Os ataques de pânico podem alterar o comportamento em casa, na escola ou no trabalho. As pessoas com a síndrome do pânico muitas vezes se preocupam com os efeitos de seus ataques de pânico, entrando assim em depressão e passando a fazer uso de alcool e drogas.

Os ataques de pânico não podem ser previstos. Pelo menos nos estágios iniciais do transtorno. Esteja atento e se necessário procure um médico. Pessoas com a síndrome do pânico, se tratadas de acordo, podem levar uma vida normal.

Por Mariah Rosa Pires
Jornalista e Diretora ACG Home Care


Deixe um comentário

Higienização das mãos

Você sabia que o simples ato de higienizar as mãos, seja com água e sabonete ou com produto alcoólico (liquido glicerinado, gel ou espuma), pode salvar muitas vidas? A higiene das mãos, comprovadamente, evita a transmissão de microrganismos, protegendo pacientes, familiares, visitantes e profissionais da saúde contra as infecções.

O principal veículo de transmissão de microrganismos nos serviços de saúde são as mãos dos profissionais de saúde, que estão em permanente contato com os pacientes e com os materiais e equipamentos por eles utilizados.

A higienização das mãos apresenta as seguintes finalidades:

  • Remoção de sujidade, suor, oleosidade, pêlos, células descamativas e da microbiota da pele, interrompendo a transmissão de infecções veiculadas ao contato.
  • Prevenção e redução das infecções causadas pelas transmissões cruzadas.

Como devemos lavar as mãos passo a passo:

  • Palmas
  • Dorso
  • Espaço entre os dedos
  • Polegar
  • Articulação
  • Unhas
  • Extremidades dos dedos
  • Punho

Quando higienizar as mãos?

São cinco os momentos essenciais para a higienização das mãos com o objetivo de prevenir infecções, conforme mostra a figura abaixo:

 

Transformar a lavagem das mãos em um hábito frequente pode salvar mais vidas do que qualquer vacina ou intervenção médica, reduzindo as mortes por diarréia em 50% e as mortes por infecções respiratórias agudas em 25%.

Equipe ACG Home Care


Deixe um comentário

Os benefícios do sexo para a saúde

Sem efeitos secundários ou contra-indicações, de fácil acesso, grátis e eficaz, o sexo revitaliza o corpo, alivia o stress, excita a mente e, como se não bastasse, é um dos meios mais eficazes na prevenção de muitas enfermidades e ainda um excelente exercício físico.

O orgasmo é uma das sensações mais íntimas e deliciosas para homens e mulheres e é muito mais do que sinal do sucesso de uma relação sexual. A cada dia, os cientistas descobrem novos efeitos desta reação orgânica que, além de melhorar as emoções, faz muito pela sua saúde. O orgasmo contribui para que homens e mulheres vivam com mais qualidade, “trata-se de um momento de prazer que reverbera por vários dias”, afirma o ginecologista Neucenir Gallani, da clínica SYMCO, em São Paulo.

Antes de mais nada, deve se ter a noção de que a relação sexual provoca uma reação em cadeia, que ativa todo o organismo, uma vez que é necessária uma preparação funcional, para que a penetração seja bem sucedida. Os órgãos sexuais sofrem alterações profundas, na forma e na função, e a excitação provoca reações vasculares, neurológicas, musculares e hormonais.

O prazer é apenas uma amostra dos benefícios do sexo. Além de retardar os efeitos de envelhecimento, a satisfação sexual ajuda na prevenção de doenças, pois atua no fortalecimento da musculatura do assoalho pélvico, abdominal, glúteos e membros inferiores, no alívio da obstrução nasal, contribui para a redução do risco de doença cardíaca, melhora o sono, aumenta a iminudade, libara a tensão funcionando assim como anti-stress.

Verdadeira revolução na medicina contemporânea, o sexo tem a particularidade de nos fazer sentir eternamente jovens e bonitos, uma vez que fortalecendo os vínculos, melhora também as relações sociais, adicionando anos a mais em nossas vidas.

Aproveite …

Por Mariah Rosa Pires

Jornalista e Diretora ACG Home Care